Vitamina B6: efeitos e como ingerir


Saiba tudo sobre a vitamina B6! Também conhecida como Piridoxina, a B6 tem grande importância para o organismo. Ingerir alimentos ricos nessa vitamina é uma ótima maneira de manter o corpo saudável.

Assim como todas as vitaminas do complexo B, a ausência de B6 provoca uma série de problemas de saúde. A principal função da Piridoxina é auxiliar no fortalecimento do sistema imunológico, porém, a vitamina causa mais de 100 reações no organismo humano, o que faz dela uma grande aliada para saúde em geral.

A vitamina B6 está presente em diferentes alimentos, como o filé de peixe. (Foto: Divulgação)

A vitamina B6 está presente em diferentes alimentos, como o filé de peixe. (Foto: Divulgação)

Efeitos da vitamina B6

Os efeitos da vitamina B6 são bem amplos. Ela garante a síntese de proteína no organismo e promove o crescimento saudável das células. Aumenta a imunidade ao proteger de maneira muito eficaz a saúde das glândulas linfoides, garantindo que glóbulos brancos saudáveis se proliferem no organismo, prevenindo diversos tipos de infecções.

Consumir a vitamina B6 regularmente também previne que o sistema nervoso apresente problemas sérios. Graças a ela é possível que seja feita a síntese de aminoácidos que bloqueiam impulsos nervosos e, além disso, a B6 contribui também para a formação de moléculas mensageiras (neurotransmissores).

A vitamina B6 é muito indicada para a prevenção de doenças relacionadas a memória, como o Alzheimer. Juntamente com outras vitaminas do complexo B, ela estimula a formação de mielina, camada protetora das células do cérebro, evitando que elas fiquem desgastadas com o passar dos anos e envelhecimento do organismo.


Também é uma grande aliada das mulheres que sofrem de TPM, já que é capaz de eliminar do organismo o excesso de estrogênio, hormônio feminino relacionado a sintomas típicos desse período, como o estresse, irritação, sensibilidade, entre outros.

A vitamina B6 tem papel fundamental logo no início da vida, por este motivo, é muito importante que gestantes e mães que amamentam consumam alimentos ricos em vitamina B6 constantemente, a fim de garantir o desenvolvimento saudável do bebê.

Como ingerir vitamina B6?

vitamina b6

Espinafre também tem esse nutriente. (Foto Ilustrativa)

Uma dieta balanceada, composta por um cardápio completamente variado assegura que a quantidade essencial de vitamina B6 seja enviada ao organismo diariamente. Ela é encontrada em abundância nas carnes brancas como as de frango e de peixe, no ovo, na cenoura, na banana, em cereais, no abacate, na soja e também no espinafre.

A recomendação de consumo diário é de aproximadamente 0,5g para crianças com até 12 anos de idade, 1,3g para adultos com idade inferior a 50 anos e de 1,7g para que tem mais de 50 anos. A suplementação através de cápsulas só é recomendada para gestantes, pessoas com anemia, fumantes e alcoólatras.

Vale lembrar que o excesso de vitamina B6 pode desencadear sérios problemas de saúde, entre eles, fortes dores de cabeça, insônia, desconforto estomacal e dificuldade de concentração. Por este motivo, quem faz uso de suplementos alimentares para garantir que o organismo receba a quantidade ideal de piridoxina, deve ficar atento e seguir a risca a recomendação do médico ou nutricionista.

Aposte nos alimentos ricos em vitamina B6 e desfrute de uma vida mais saudável. Já falamos aqui também sobre a vitamina b12, sugiro a leitura do artigo!

Até a próxima pessoal!