Dietas

Como fazer dieta flexível: veja nossas dicas!




Aprenda como fazer dieta flexível com nossas super dicas!Veja seus beneficios, efeitos e mais!

O mundo das dietas está sempre se renovando. A dieta conhecida pela sigla em inglês IIFYM, que significa “If It Fit Your Macros”, ou seja, “Se isso cabe nos seus macros”, chegou no Brasil com o nome de Dieta Flexível. O nome já diz muito sobre o estilo de vida proposto por ela, que é uma dieta onde não existem alimentos proibidos ou obrigatórios, desde que, ao final do dia, você tenha consumido toda a quantidade diária de nutrientes de que precisa.

Como fazer dieta flexívelA dieta flexível necessita que você conte seus macros diários, que são as quantidades de gorduras, proteínas e carboidratos que você ingere ao longo do dia. Para isso, é preciso consultar um nutricionista, ou ainda, calcular através de sites na internet com alguns dados básicos como idade, sexo, peso, altura e seu nível de atividade física semanal.

Com ela, é possível que você adicione até mesmo algumas guloseimas de que gosta muito em sua rotina alimentar. Isso faz com que as pessoas não desistam da dieta, pois é o ato de comer algo “proibido” que faz com que as dietas mais rígidas sejam abandonadas. Além disso prega que não se tome nenhum remedio como a sibutramina por exemplo.

Se você se interessou por esse estilo alimentar, continue lendo esse artigo e vamos te contar tudo sobre a dieta flexível.

Como fazer dieta flexívelEntenda como funciona a dieta flexível

Como falamos, na dieta flexível quase não existem regras. Praticando-a você vai estar livre de alimentos obrigatórios e proibidos, número de refeições diárias, além de não ter horários específicos de alimentação e de intervalos entre elas.

O que conta na dieta flexível é a quantidade de calorias e macronutrientes que são ingeridos ao longo do dia, por isso, você pode dividir suas refeições de acordo com o que se encaixe no seu estilo de vida.

Como fazer dieta flexívelAprenda a calcular os seus macros

Para você saber quanto de cada nutriente e quantas calorias deve ingerir ao longo do dia, pode fazer um cálculo de maneira manual em casa com o uso da equação Mifflin-St Jeor, que é considerada uma das mais efetivas para calcular a estimativa de gasto calórico. Veja:

Homens: (10 x peso em kg) + (6,25 x altura em centímetros) – (5 x idade) + 5;

Mulheres: (10 x peso em kg) + (6,25 x altura em centímetros) – (5 x idade) – 161.

Depois do cálculo, pegue o resultado e o multiplique de acordo com o que mais se encaixa com sua rotina de atividades físicas:

Sedentário (trabalho sentado e faz pouco ou nenhum exercício) = multiplique por 1,2;

Levemente ativo (faz exercícios de 1 a 3 vezes por semana) = multiplique por 1,375;

Moderadamente ativo (faz exercícios até 5 vezes por semana) = multiplique por 1,55;

Muito ativo (treina pesado quase todos os dias) = multiplique por 1,725;

Extremamente ativo (treina pesado quase todos os dias e possui trabalho braçal) = multiplique por 1,9.

O resultado desse cálculo vai indicar quantas calorias o seu corpo gasta por dia. Agora, você vai precisar apenas adequá-las de acordo com o seu objetivo. Para ganhar massa muscular, o indicado é que você adicione mais 400 calorias ao seu resultado final. Mas, se o seu objetivo é emagrecer, apenas diminua 400 calorias do seu resultado final e você terá resultados.

Se preferir, você pode procurar na internet por calculadoras online, que calculam seu gasto calórico e algumas podem até mesmo dar dicas de divisão dos seus macronutrientes ao longo do dia.

Como fazer dieta flexívelComo calcular seus macronutrientes

Depois de definir quantas calorias você ingerir ao longo do dia, é preciso definir como você vai dividir os seus macros em suas refeições. Como falamos, os macronutrientes são: carboidratos, proteínas e gorduras. A soma total das calorias desses macronutrientes é a quantidade de calorias que aquele alimento contém, que está na ficha nutricional da embalagem.

Cada macronutriente vai possuir uma função específica na sua dieta e também possui uma quantidade de calorias diferente por cada grama oferecido. Os carboidratos e proteínas oferecem 4 calorias por grama e, as gorduras, possuem 9 calorias na mesma quantidade.

Não existe uma quantidade preestabelecida de macronutrientes diários porque, assim como as calorias contadas, os macronutrientes também são individuais. Se você ficar com dúvidas, procure por um profissional da área da nutrição para que ele possa te ajudar a conquistar o seu objetivo.

Já falamos aqui sobre as receitas para airfryer que são bem interessantes, sugiro a leitura do artigo.

Sugestões de novos artigos podem deixar nos comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.