Saude

Ferritina Alta: o que é? Qual o problema? Saiba aqui!


Entenda por que a ferritina alta pode ser um problema para sua saude, como evitar e controlar, confira tudo aqui!

Você sabe o que é a ferritina? Podemos classificá-la como uma proteína, produzida especialmente pelo nosso fígado, que é o órgão responsável por todo o ferro do nosso corpo. Com isso, os exames de ferritina servem para detectar os níveis de ferro presentes em nosso organismo.

ferritina altaExame de Ferritina

Um homem saudável vai possui níveis entre 23 a 336 ng/mL de ferro em seu corpo e, uma mulher saudável, vai ter níveis variando entre 11 e 306 ng/mL de ferro em seu sangue. É importante salientar que os valores de referência podem ser alterados conforme o laboratório que fez a análise, por isso, sempre leve seus exames a um médico para avaliá-los. Durante a gestação, é normal que as taxas de ferritina fiquem baixas, pois o bebê recebe uma porcentagem do ferro da mãe através da placenta.

Para  o exame, que é feito através do sangue, não é preciso tempo de jejum e seu médico pode solicitá-lo junto a outros exames de rotina. Caso você prefira, converse com ele e peça para que a análise seja incluída em seus exames.

ferritina altaO que é a ferritina alta?

Quando seus exames apontam uma taxa de ferritina fora dos valores de referência do seu laboratório, isso indica que os níveis estão muito baixos ou muito altos. No caso da ferritina acima dos níveis recomendados, significa que você está com excesso de ferro no organismo.

Além disso, existem casos em que as altas taxas de ferritina podem indicar infecções ou inflamações, podendo indicar uma anemia hemolítica, um linfoma de Hodgkin, uma leucemia, uma anemia megaloblástica, um infarto do miocárdio, uma hemocromatose ou, então, uma doença hepática causada pelo álcool.

Quais os sintomas da ferritina alta?

Normalmente, a ferritina em níveis elevados pode gerar sintomas como cansaço, dores abdominais, dores nas articulações e falta de ar. Para tratá-los, é preciso entender quais as causas que levaram à condição, mas geralmente incluem mudanças de hábitos alimentares, diminuindo os alimentos ricos em ferro e em vitamina C, que ajuda em sua absorção.

ferritina altaPodemos evitar a ferritina alta?

Os níveis de ferritina sanguíneos podem se manter estáveis quando mantemos uma dieta equilibrada, associada à prática de exercícios físicos regularmente e o controle sobre as taxas de glicemia e colesterol. Além disso, combater uma possível síndrome metabólica e evitar alimentos ricos em álcool, gordura saturada e açúcar vão ser medidas essenciais para evitar que os níveis de ferro aumentem em seu organismo.

O que fazer para tratar esse problema?

Assim como já mencionamos, existem muitos fatores que levam ao aumento das taxas de ferro no organismo. O mais recomendado é, em todos os casos, procurar por ajuda médica. Os profissionais endocrinologistas, hematologistas ou hepatologistas são os médicos que poderão ajudá-lo nessa situação.

De acordo com a sua condição, o médico poderá lhe indicar o melhor tratamento. Ele poderá pedir para que você faça novos exames e incluir mais alguns, a fim de finalizar um diagnóstico correto e preciso, que contará com o tratamento ideal e não proporcionará nenhuma complicação.

Já falamos aqui também sobre a dieta de 1200 calorias do dr nowzaradan, sugiro leitura do artigo.

Dê atenção à sua saúde e busque por um médico quando se sentir mal. A ferritina em níveis elevados é uma condição séria e que pode trazer muitos problemas se não for tratada.

Ofertas dos nossos anunciantes:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *