Pílula do dia seguinte: O que é? Como funciona?


Tem dúvidas de quando pode usar a pílula do dia seguinte? Quais efeitos colaterais? Se funciona mesmo? Saiba tudo aqui hoje, tire todas as suas dúvidas. Não perca mais tempo!

No mundo atual, a medicina está cada vez mais avançada, no que diz respeito ao controle de natalidade e gravidez indesejada. O artigo de hoje vai ser informativo e eficaz pra você que quer saber tudo sobre a pílula do dia seguinte, veja a seguir.

pílula do dia seguinte

 

O que é a pílula do dia seguinte?

A pílula do dia seguinte é um método contraceptivo de emergência, usado em casos de ter esquecido de tomar o anticoncepcional por dias, ou pela camisinha ter estourado, ou por qualquer outro descuido a pessoa tenha feito sexo sem nenhum outro método contra a gravidez. A pílula do dia seguinte serve pra você não correr o risco de engravidar nessa relação sexual desprotegida, ela deve ser tomada o mais breve possível após o coito e até no máximo 72 horas após. Quanto antes tomar maior é a porcentagem de eficácia da pílula, se tomada nas primeiras 24 horas é tem eficácia de 88%. A pílula do dia seguinte custa por volta a partir de R$3,00 até R$ 72,00, são vendidas doses únicas ou doses para dois dias. As marcas mais famosas são Dia D, Postinor, Pozato, Pilem e Poslove.

Onde comprar mais barato?

Na farmácia abaixo o preço é bem interessante, confira:

 

Lembrando que a pílula e qualquer medicamento só devem ser usados com ordens do seu médico ok? Não nos responsabilizamos pelo mal uso das informações aqui apresentadas que são de domínio publico na internet.

Como funciona a pílula do dia seguinte?

A pílula não é um método abortivo porque na verdade ela impede a fertilização, ela não deixa que aconteça a liberação do óvulo, não forma o endométrio gravídico que é a camada que se forma no útero para receber o óvulo fertilizado, e dessa maneira evita-se a gravidez.

É apenas um método contraceptivo de emergência, não pode ser usado com habitualidade, porque perde esse efeito, jamais deverá ser tomado mais de 1 vez no mês. A carga de hormônios tomada com a pílula do dia seguinte é elevadíssima, e dessa forma também cada mulher tem efeitos colaterais diferentes, muitas sentem enjoo, náuseas, tontura, dor de cabeça, alteração no sistema intestinal e no ciclo menstrual.

Em casos de estupro a pílula do dia seguinte também é largamente utilizada, evitando dessa maneira gravidez indesejada.

Muitas mulheres menstruam alguns dias após ter tomado a pílula do dia seguintes, mas muitas também não menstruam, mas isso não quer dizer que não foi eficaz.

A pílula do dia seguinte é vendida com facilidade em qualquer drogaria ou farmácia e sem necessidade de apresentação de receita médica. Ela é tomada ou em dose única ou 1 comprimido na hora e 12 horas depois o outro.

Antes de tomar a pílula se informe na bula ou com o farmacêutico as contra-indicações, se você tiver problemas de hipertensão, circulação sanguínea, obesidade mórbida não tome, consulte um médico primeiro.

Existem efeitos colaterais?

pílula do dia seguinte

O medicamento é considerado seguro, no entanto, assim como outros fármacos, pode produzir efeitos colaterais. Alguns dos efeitos já observados foram, por exemplo, vômitos, tontura, fadiga, sensibilidade nos seios, dor abdominal e dor de cabeça.

Caso haja vomito logo depois da pílula DiaD ser tomada, ou depois de cerca de 2 horas, é recomendado refazer todo o processo. De uma forma geral, entretanto, a pílula DiaD é bastante segura e a menstruação é um sinal de que o procedimento obteve sucesso.

Esperamos que o texto de hoje tenha tirado suas dúvidas sobre a pílula do dia seguinte.

Já falamos aqui também sobre ao estimulante sexual feminino que é bem interessante, sugiro a leitura do artigo.

Para sugestões nos deixem comentários. Até a próxima!