Estetica

Piercing na boca: cuidados antes de fazer o seu!


Quer fazer um piercing na boca mas está com medo? Veja alguns cuidados que devem ser tomados

Em nosso cotidiano, o uso de piercings e tatuagens, tem se tornado normal com o passar sos anos. Usar o corpo como maneira de expressão é um hábito já comum na história da humanidade. Não é a toa que o uso de tatuagens, adereços e piercings fazem parte da cultura desde os primórdios. Atualmente, também é comum continuarmos vendo novos e antigos adeptos a essas jóias.No artigo de hoje vamos te mostrar os cuidados que se deve ter antes de fazer um piercing na boca. Acompanhe conosco.

Cuidados antes de fazer Piercing na Boca

piercing na boca cuidados

Piercing na boca X piercing no dente
No caso do piercing bucal, peças metálicas feitas de aço cirúrgico, ouro ou titânio, transpassam a língua, os lábios ou as bochechas, perfurando a mucosa. O piercing dental não transpassa o dente, ele é colado, sem desgaste da estrutura dentária, não trazendo nenhum risco de trauma, ou prejuízo à higiene da região, pois é colado na frente do dente em área de baixo impacto alimentar. Ainda assim, para garantir a colocação correta, é preciso procurar um dentista que fará o procedimento com uma cola especial para este fim

Colocação 

O ideal é que o piercing seja feito por um body piercer especializado com conhecimento, em um local que siga todas as normas de limpeza e esterilizaçãoO mais recomendado em termos de higiene é que a joia escolhida seja feita de aço cirúrgico inoxidável ou titânio, materiais que não soltam resíduos e que acumulam menos sujeira devido a superfície lisa.

Danos aos dentes
Depois de colocado, é preciso ficar atento se a peça atrita muito com os dentes. “É muito comum que o piercing traumatize os dentes causando trincas, pequenas ou até mesmo grandes fraturas”, afirmam os especialistas. E essa possibilidade aumenta se você é do tipo que gosta de ficar brincando com o piencing dentro da boca, aumentando a possibilidade de atrito.

Sigas as recomendações dos especialistas

Normalmente, quem coloca o piercing costuma fazer recomendações do que usar ou mesmo comer nos primeiros dias de colocação. É importante seguir a risca essas informações e não achar que ja está tudo bem e ignorar as mesmas. São pessoas experientes, que trabalham com casos e casos com frequência.

Que riscos envolvem a colocação de piercing na boca?

piercing na boca

É possível que você desconheça os efeitos colaterais que um piercing oral oferece. Estes efeitos são:

  • Infecção — Sim, é fato que a boca contém milhões de bactérias que podem vir a causar infeções depois de um piercing oral. Além disso, tocar as partes de metal depois de colocados na boca também torna maior o risco de se contrair uma infecção.
  • Sangramento prolongado — Se um vaso sangüíneo for perfurado pela agulha durante o procedimento de colocação, pode ocorrer um sangramento difícil de ser controlado com perda excessiva de sangue.
  • Dor e inchaço — Sim, infelizmente, pelo menos nos primeiros dias da colocação, esses são sintomas comuns de piercing na boca. Nos casos mais sérios, se a língua inchar demais, poderá fechar a passagem de ar e dificultar a respiração..
  • Dentes danificados — o contato com a jóia pode danificar o dente. Dentes com restaurações – por exemplo, coroas ou jaquetas – também podem ser danificados pelas peças de metal.
  • Ferimento na gengiva — As peças de metal não só podem ferir o tecido da gengiva que é sensível, mas também podem causar retração gengival. A retração gengival tem aparência desagradável e torna seus dentes mais vulneráveis a cáries e a periodontite.

Importante

Sempre procure seu médico geral ou dermatologista para ter certeza que sua pele e mucosas não tem nenhum problema em relação ao metal do piercing. Já até falamos aqui em outro artigo sobre pessoas que tem alergia a aliança, sugiro a leitura tambem

Sugestões de novos artigos podem deixar nos comentários.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *