Fique atenta a estes 10 sintomas do câncer de mama


Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), o que afeta as mamas é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres. Felizmente, o país também está na parte mais baixa do mundo em relação ao índice de mortalidade.

Muito disso é por conta de todo o trabalho de prevenção e conscientização das mulheres em relação a este problema potencialmente perigoso. Este mal tem uma chance de cura de 95% quando descoberto cedo. Então, como sempre vale a pena adotar bons hábitos que ajudem a reduzir o risco de câncer de mama. Confira, abaixo,10 sintomas do câncer de mama para prestar atenção.

 

10 sintomas do câncer de mama

sintomas do cancer de mama

 

Alguns dos sintomas e sinais mais comuns do câncer de mama incluem:

  1. Nódulo endurecido;
  2. Inchaço ou vermelhidão na pele;
  3. Inversão no mamilo;
  4. Sensação de massa ou nódulo estranho em uma das mamas, ou na axila;
  5. Espessamento ou retração da pele, ou do mamilo;
  6. Dor e inchaço no braço;
  7. Inchaço na mama ou no mamilo;
  8. Irritação da pele ou do mamilo;
  9. Dor na mama ou no mamilo;
  10. Secreção com sangue nos mamilos;

Caso a paciente tenha algum ou mais destes sintomas, deve ser feita uma consulta com um médico imediatamente, para investigar se trata-se ou não deste tipo de câncer.

Normalmente, esta investigação consiste em um exame clínico, acompanhado de uma mamografia, ultrassonografia ou ressonância magnética. Estes tipos de exames são recomendados pelo médico caso ele julgue necessário para um diagnóstico mais preciso.

Como ficou claro pela estatística acima, o diagnóstico precoce é essencial para aumentar as chances de cura da doença, quando é diagnosticada nos estágios mais iniciais.

Quanto à prevenção, não existe nenhuma outra forma de evitar o surgimento da doença, exceto o diagnóstico precoce. Existem alguns fatores de saúde mais gerais e certos cuidados que toda pessoa deve tomar para ter uma vida mais saudável, que também acabam influenciando o surgimento do câncer de mama.

A alimentação, através de uma nutrição saudável, e a prática de exercícios físicos, combinados com a eliminação do excesso de substâncias nocivas, como o álcool e o cigarro, ajudam a diminuir o risco deste problema.

 

  • Como fazer o autoexame das mamas?

 


Por isso, o autoexame das mamas deve ser algo que faz parte da rotina da mulher. Para as mulheres que ainda não estão em menopausa, o momento mais recomendado é que ele seja feito uma semana após a menstruação, pois é o momento ideal em relação ao tamanho dos seios.

Não somente este exame ajuda a conhecer melhor as mamas, o que possibilita perceber facilmente qualquer alteração, mas é um bom hábito para detectar algo de errado com ele. É um exame bem simples, que pode ser feito tanto em pé quanto deitada.

sintomas do câncer de mama

O mais ideal é fazê-lo em frente a um espelho. Posicione-se na frente do mesmo e observe os seios, procurando por alguma das alterações mencionadas nos sintomas e sinais acima. Comece fazendo isso com os braços relaxados, ao lado do corpo. Em seguida, faça o exame com as mãos na cintura fazendo força e, por fim, coloque as mãos atrás da cabeça.

A outra parte do exame envolve o toque. Primeiro, levante o mamilo, ainda na frente do espelho e observe se existe alguma secreção. Em seguida, levante o braço esquerdo, colocando-o sobre a cabeça. Use a mão direita, esticada, para examinar a mama esquerda. Para garantir que irá cobrir todo o seio, divida-o em faixas e analise cada uma delas. Sinta a mama com a polpa dos dedos, fazendo movimentos circulares para cima e para baixo. Por fim, repita o mesmo procedimento com a outra mama, trocando as mãos.

O exame só é completo quando ambos os procedimentos são concluídos, tanto o visual quanto o do toque. Caso perceba alguma alteração entre os sintomas e sinais vistos acima, como um nódulo, uma textura diferente ou um tamanho fora do normal, procure um ginecologista para prosseguir com o diagnóstico mais preciso.

O câncer de mama é um problema que pode ser fatal, mas fazer o exame e ficar atento a estes sintomas é essencial para um diagnóstico precoce e um aumento significativo nas chances de cura. Por isso é tão importante fazer o exame com a frequência e no momento ideal, e procurar ajuda caso encontre algum problema.

No blog do Amigão Saúde você encontra estas e outras dicas sobre cuidados para garantir a sua saúde e também da sua família.

 

Ofertas dos nossos anunciantes:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *