Fibromialgia: tudo sobre essa doença

Gostou? Compartilhe:

Fibromialgia é uma doença que muita gente tem e se tornou famosa após algumas celebridades como Lady gaga tambem admitirem possuir, entenda como age no corpo

Se você é uma pessoa que sente muitas dores em todo o corpo por longos períodos preste a atenção, pois pode ser fibromialgia. Pesquisadores acreditam que a sua causa é um descontrole na forma do cérebro processar sinais de dor. Considerada uma síndrome comum, a fibromialgia, além das dores, causa sensibilidade nas articulações, tendões, alguns tecidos moles e nos músculos.

Fibromialgia: tudo sobre essa doença (Foto: Divulgação)

Fibromialgia – Causas dessa síndrome

Apesar dos homens também sofrerem com a fibromialgia, ela é mais frequente em mulheres. Com uma faixa etária de idade entre 20 e 50 anos. Pessoas com essa síndrome podem sofrer de dor difusa, insônia, déficits de memória, depressão e fadiga. As causas dessa síndrome, chamada de fibromialgia, ainda são desconhecidas. Porém, sabe-se que vários fatores são constantemente associados.

Fibromialgia: tudo sobre essa doença (Foto: Divulgação)

Alguns desses fatores são:

  1. Genética: fibromialgia é recorrente em pessoas da mesma família, o que pode ser um indicador de que existem algumas mutações genéticas capazes de causar a síndrome.
  2. Distúrbios do sono, sedentarismo, ansiedade e depressão também podem estar ligados de alguma forma à síndrome.
  3. Infecções por vírus e doenças autoimunes também podem estar envolvidas nas causas da fibromialgia

Fibromialgia: tudo sobre essa doença (Foto: Divulgação)

Sintomas da Fibromialgia

Antigamente era mais difícil para o profissional dar o diagnóstico de que o problema era a fibromialgia. Era necessário apalpar dezoito pontos dolorosos do corpo. Hoje a síndrome é detectada por oito sintomas:

  1. Cansaço crônico
  2. Diarreia ou prisão de ventre frequente
  3. Dor difusa em cinco a sete partes do corpo por mais de três meses
  4. Insônia e sono não reparador
  5. Problemas de memória e concentração
  6. Sensibilidade ao frio
  7. Suor em excesso
  8. Vontade constante de urinar

Fibromialgia: tudo sobre essa doença (Foto: Divulgação)

Quando é necessário procurar um médico

Se você perceber que está sofrendo dos sintomas citados acima é indicado que seja procurada a ajuda de um profissional. Quanto mais tempo levar para tratar, mais a doença vai se agravar. Além, de ela causar dores e problemas que poderão ser tratados e minimizados com o tratamento certo.

Fibromialgia: tudo sobre essa doença (Foto: Divulgação)

Como tratar essa doença

Para um tratamento mais eficaz, é indicado que seja unido ao uso de medicamentos. O foco dos tratamentos é minimizar os sintomas, melhorar a saúde e evitar a incapacidade física.

O tratamento pode ser feito de diversas maneiras, podendo evolver:

– Terapia cognitiva comportamental.

– Fisioterapia

– Métodos para alívio de estresse, incluindo massagem leve e técnicas de relaxamento.

– Programa de exercícios e preparo físico

Os remédios mais utilizados são analgésicos de ação central, incluindo alguns antiepiléticos e antidepressivos que têm esta ação analgésica. Medicamentos miorrelaxantes e também para melhorarem o padrão do sono são usados em conjunto com medicamentos analgésicos ou isoladamente. Esses medicamentos devem ser utilizados apenas com prescrição médica.

A terapia cognitivo-comportamental é uma parte muito importante do tratamento, ela ensina diversas coisas que lhe trarão benefícios, como;

– Buscar praticar atividades agradáveis

– Estabelecer limites

– Lidar com pensamentos negativos

– Manter um diário de seus sintomas e dores

– Reconhecer o que agrava seus sintomas

Se você está sofrendo dos sintomas apresentados no texto, é indicado que procure um médico para tratar e não deixar que essa síndrome se agrave.

Importante

Sempre procure seu médico, ao menor destes sintomas. As informações aqui apresentadas são de domínio público na Internet e não substituem de nenhuma forma uma consulta médica. procure sempre seu médico. Nosso site não se responsabiliza pelo mal uso das informações aqui apresentadas

Sugestões e dicas de outros artigos podem pedir nos comentários, até a próxima!

Recomendados para você:


Gostou? Compartilhe:

1 comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *