Conheça os três principais tipos de fadiga e descubra como tratar


Entenda por q fadiga ocorre, seus sintomas, como se classifica e muito mais! Clique e entenda!

Fadiga é o nome dado ao sintoma definido pela sensação de desgaste, cansaço e principalmente falta de energia, que está cada vez mais recorrente no dia a dia da população. Esse sintoma de exaustão é um comum após período de grande estresse, podendo ser tanto físico quanto mental. Em alguns casos, esse sintoma pode indicar uma condição mais grave ou também uma doença em si. Continue acompanhando e descubra Os três principais tipos de fadiga e como tratar. 

 

As consequências da fadiga são várias. Ela pode interferir na qualidade de vida, limitar as atividades diárias, proporcionar dores de estômago e cabeça, insônias, alergias, irritabilidade, perda de apetite e também ser responsável por problemas como acidentes e fraturas. 

Três principais tipos de fadiga

Por ser um problema muito recorrente, ela possui diversas causas e divididas diversos tipos diferentes. Conheça alguns deles e descubra com tratá-las:

fadiga

Fadiga Muscular

Fadiga muscular é um cansaço físico extremo, em geral após exercícios intensos. É definida principalmente pela incapacidade de manter o rendimento durante exercício físico intenso ou prolongado.  Contudo, ela pode aparecer também em momentos não ideais, como ao acordar. Nesse caso, é sinal de algo não está certo. 

Ela pode ainda ser separada em dois tipos:

Fadiga muscular central: Onde há incapacidade e falta de força localizada. 

Fadiga muscular periférica: Essa é caracterizada por uma sensação de ausência de energia abrangente. 


 

Dicas para combater fadiga muscular: 

Crie hábito de fazer exercícios de aquecimento no início e no fim do treino: os exercícios de aquecimento preparam os músculos para o treino, diminuindo o risco de lesões. Já os alongamentos no fim do treino, ajudam diminuir a dor após o treino e aceleram a recuperação dos músculos. 

Fadiga mental
Ela é decorrente do desgaste emocional, isso ocorre devido ao estresse causado pelo excesso de informações que nosso cérebro obtém. Os principais sintomas da fadiga mental são: dificuldade de concentração, irritabilidade, indisposição e dores de cabeça.

Dicas para combater fadiga mental:
Dedique mais tempo ao lazer. Muitas pessoas acham que lazer é perda de tempo, mas é a hora que você consegue descansar a mente e realmente desconectar de todos aqueles problemas e atividades que estão prendendo sua atenção durante o dia. Dedicar um tempinho ao lazer e dar uma quebra na rotina, pode ainda, aumentar a produtividade.

Fadiga Crônica
A fadiga crônica é geralmente causada por enorme carga de estresse na rotina, estando principalmente ligada ao âmbito profissional, amoroso e familiar, diferente da fadiga mental, essa não resolve com repouso e descanso. Ainda que as causas desse problema sejam desconhecidas, motivos estressantes podem desencadear os sintomas.

Dicas para combater fadiga crônica:
A prática regular de exercícios físicos pode ser um grande aliado no combate desse problema. Procure ultrapassar as dores musculares e articulares decorrentes da condição e garante uma rotina diária de atividade física.

Mas cuidado, não exagere nessa prática de exercício. Muito esforço de uma só vez pode desencadear a fadiga muscular!

Importante

As informações aqui exibidas são de domínio público na internet. Nào nos responsabilizamos pelo mal uso das mesmas. Sempre procure seu médico se sentir qualquer um dos sintomas aqui mencionados. Somente com seus exames ele pode diagnosticar de forma exata seu problema.

Conclusão

Bom pessoal, esperamos que as informações tenham sido úteis e que consigam com sucesso combater esse mal

Sugestões e dicas podem deixar nos comentários.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *