Dieta Sem Carboidrato: Cardapio, como funciona e mais!


Dieta sem carboidrato pode te fazer perder peso de forma saudável, mas é preciso ter cuidado!

Em nosso cotidiano, os cuidados com a alimentação e o sobrepeso hoje fazem parte da rotina de muitas pessoas. Por isso algumas delas estão adotando as mais variadas dietas para atingir o peso ideal e também ficar em dia com sua saúde. No artigo de hoje vamos explicar tudo sobre a dieta sem carboidrato (low carb) que pode te dar realmente resultados muito bons, desde que alguns cuidados sejam observados.

Vamos falar também de um ebook com 200 receitas low carb. Mas primeiro, vamos entender o que são os famosos carboidratos.

O que são os carboidratos

dieta sem carboidrato

Indo direto ao assunto, O carboidrato é um importante nutriente para o funcionamento do corpo humano. Formado por hidrogênio, carbono e oxigênio, é o responsável pelo fornecimento de energia por causa da liberação de glicose após a sua absorção.Principais fontes de energia de uma célula, além de fazerem parte da composição de ácidos nucleicos e da parede celular. Chamadas também de glicídios, essas substâncias são encontradas geralmente em alimentos de origem vegetal, como batatas e feijão. As plantas normalmente acumulam carboidratos na forma de amido. Como já fica implícito, eles tem muitos açucares e calorias, o que faz com que se forem consumidos em excesso, ajudam as pessoas a engordarem.

Dieta Sem carboidrato – como funciona?

As primeiras propostas de uma dieta sem carboidrato (ou com níveis baixos desse nutriente) começaram a surgir no século XVIII. Em geral, as dietas assim surgiam como propostas para o tratamento de determinadas doenças, sobretudo diabetes. Uma vez que dietas de baixo carboidrato de fato beneficiavam os pacientes, logo muitos médicos publicavam suas propostas de dieta para o grande público. As dietas mais famosas são a low carb, Dr atkins e paleo.Várias receitas fitness rolam por aí pra quem faz essa dieta.

Alimentos sem carboidrato

Carnes: Em sua maioria, carnes são bons alimentos e não possuem carboidrato, além da imensa quantidade de proteínas e vitaminas que podem ser usadas ao favor. O ideal é incluir em sua dieta: frango, peixes, carne suína e bovinas.

Vegetais: os vegetais são ótimos alimentos. É aconselhado o consumo de espinafre, couve, alface, pimentões, brócolis, cenoura, etc.

Frutas: As frutas são grande fonte de carboidratos. Contudo, abacates e tomates são adequados a qualquer dieta sem carboidrato.

Castanhas: de uma forma geral, possuem um baixo número de carboidratos, é uma boa opção para pequenos lanches durante a dieta.

dieta sem carboidrato

Alimentos a serem evitados

Para que ela funcione, voce deve evitar os seguintes alimentos:

  • Cereais (como arroz, milho etc.)
  • Alguns vegetais (como abóbora)
  • Tubérculos (batatas, aipim, inhame etc.)
  • Qualquer alimento que contenha farinhas (o que exclui o glúten, além de pães, massas etc.)
  • Leguminosas
  • Alimentos altamente processados (os industrializados).
  • Fast food e batata frita

Dieta sem carboidrato – Quais seus beneficios

São vários associados a sua aplicação:

Controle da pressão arterial – Dietas de baixo carboidrato são uma forma eficaz de reduzir a pressão arterial, o que deve levar a uma redução do risco dessas doenças e irá ajudá-lo a viver mais tempo (34, 35).


Simplicidade para fazer – A dieta também é simples, basta que você saiba o que deve comer e a quantidade certa, e você poderá fazê-la. Você também fica entusiasmado com sua perda de peso, o que contribui para que continue na dieta. A dieta ainda contribui para que você encontre a sua quantidade ideal de carboidratos que podem ser ingeridos, assim você pode manter o seu peso como desejar.

Queima de gordura – Eliminar alimentos processados, açúcares e alimentos ricos em carboidratos simples, e substituindo por alimentos ricos em gorduras saudáveis, vegetais não amiláceos, induzirá seu organismo a utilizar as gorduras como fonte de energia e não mais o carboidrato.

Além disso:

  • Perda de peso
  • Melhora nos triglicerídeos
  • Reduz a glicose no sangue para diabéticos e pré-diabéticos
  • O aumento da HDL (“bom” colesterol)
  • Melhora a sensibilidade à insulina
  • Diminuição da pressão arterial
  • Menor nível de insulina no sangue
  • Menor perda de massa muscular magra (quando somado aos exercícios)

Contra indicacoes da dieta sem carboidrato

dieta sem carboidrato

De acordo com especialistas, existem vários problemas que podem ocorrer se essa dieta for feita por muito tempo:

Problemas renais – O desequilíbrio na ingestão de carboidratos e o elevado consumo de proteínas, provoca uma pressão excessiva sobre os rins, e como consequência, aumentam as chances da pessoa desenvolver diversas doenças renais.

Além disso, pode causar mau hálito, boca seca e prisão de ventre. A longo prazo, pode sobrecarregar os rins, aumentar o nível do colesterol e o risco de gota. Em algumas pessoas, pode causar enjoos, fadiga e dores de cabeça.

Importante

Sempre procure seu médio nutricionista antes de fazer qualquer tipo de dieta, ainda mais se for por conta própria.Não nos responsabilizamos pelo mal uso das informações aqui apresentadas, que são de domínio público na internet.Sempre procure o especialista, não somos consultores nem indicamos nenhuma receita de dieta!

E-book de receitas low carb

Se você procura por receitas low carb rápidas, fáceis de preparar e deliciosas, o e-book “200 receitas low carb” é a ferramenta ideal. Nele você vai encontrar:

  • 30 receitas para o café da manhã;
  • 60 opções para o almoço e jantar;
  • 55 sobremesas deliciosas.

O método utilizado na elaboração das receitas é desenvolvido por nutricionistas especializados.

dieta sem carboidrato

Como ter acesso ao e-book?

O e-book “200 receitas low carb” está disponível para qualquer sistema operacional. Para baixar, basta acessar este site e clicar em “Baixar agora”. O download é imediato.

Se preferir, pode imprimir as páginas do e-book e ler em qualquer lugar, quando não estiver com seu tablet, notebook ou smartphone em mãos.

dieta sem carboidrato

 

Sugestões e dicas podem deixar nos comentários, até a próxima!


13 comments

  1. Paulo Pu

    Matéria incompleta! O ser humano foi projetado para viver com alto consumo de gordura e baixo carboidrato orindo de vegetais e frutas coletadas. Conhecemos a agricultura recentemente, levando se em conta do tempo da evolução da raça. O que mantém a população obesa é ordem dada pela a agroindústria que espalha estudos sem fundamento nas universidades. Leiam os livros de Gary Taubes e Danilo Balu. Senão continue obesos, hipertensos e diabéticos. Abraço.

  2. JEFFERSON DOS SANTOS SILVA

    Que matéria pobre, inconsistente e sem referências. Procurem um nutricionista, porque dieta é individual, adaptada a realidade do paciente e não restringe alimentos de forma radical, a não ser em casos de patologia. Não sigam qualquer recomendação de blogueiro. O nutricionista é o profissional ideal para esse tipo de intervenção.

  3. Franciele

    O artigo já começou de maneira equivocada. Não se trata de uma dieta sem carboidratos mas de baixo consumo de carboidrato, ‘low’. A não traz prejuízos e saúde desde que saiba seguir a alimentação baseada em comida de verdade (gorduras naturais, vegetais de baixo carbo, saladas, carnes, oleaginosas, coco, abacate, morangos, etc) cortar processados, industrializados, farinhas refinadas, açúcares. Da onde isso pode trazer malefícios pra saúde? Já está caindo por terra que gorduras naturais fazem mal . O que faz mal são os óleos vegetais, margarina, gordura vegetal, farinhas refinadas e açúcar.

  4. Camila Gomes

    Olá, sou formada em biotecnologia e bioquímica e vejo que no seu artigo tem inúmeros erros de concepção acerca da função e definição do que são carboidratos. Por favor pesquise melhor e em fontes confiáveis antes de escrever e publicar informações que muitas pessoas vão ler e tomar como verdade.
    Abraços

  5. Cristiano Barcellos

    Matéria incompleta! Nem de longe retrata a realidade da dieta low carb. Se realmente fosse verdade o que os “especialistas” falam sobre dieta low carb, cetogênica, etc, jamais teríamos chegado a esse ponto da evolução…nossos antepassados no período paleolítico tinham todos morrido de doenças renais, colesterol alto, etc… completamente sem fundamento a matéria. Mostrem estudos randomizados em seres humanos que comprovem essa informação.

  6. Sandra

    A dieta dos carboidratos ė feita por fazes, a primeira fase que são os 5 primeiros dias é zero de carbaidrato, depois acrescente 10 gramas de carboidratos bom salada verde, durante 15 dias. Dá um intervalo de 3 dias acrescente um pouco de carboidrato não pode passar de 30 gramas . Começa mais 15 dias com 30 gramas de carbaidrato. Essa não deve ser feito mais de 30 dias divididos em duas etapas conforme citei. Fazendo dessa forma vc tem uma boa perda de peso e não prejudica a saúde. Depois poderá começar novamente depois de 6 meses com o mesmo procedimento. Eu perdi 12 quilos no total.

  7. Sandra Maria dos Santos

    Sou diabética e hipertensa pesava 89 kilos.aguardo cirurgia de próteses nos joelhos. Conheci a low carb e eliminei 15 kilos. Agora estou estacionadaem 74 e 75.Mas tenho urgente necessidade de perder mais peso.procurei ajuda da nutricionista.SURPRESA ELA NÃO CONHECIA A LOW CARB.
    TALVEZ SEJE PQ,É PELO SUS…..
    MAS,continuo buscando atingir o meu alvo.
    Pois tenho apenas 1:44 de altura. SOS

  8. Maria

    Gostei da matéria pois está explicando tudo sobre uma alimentação saudável e nem é uma dieta. Quanto aos comentários, tem gente sem noção que da palpites achando que é o dono da verdade. Sempre aparece algum espírito de porco que mais serve para atrapalhar aqueles que estão querendo ajudar. 😳

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *