Anemia: Sintomas, porque ocorre e como evitar! Saiba aqui!


Saiba tudo sobre a anemia e seus sintomas. Veja os perigos que essa doença aparentemente simples pode causar em sua vida

A anemia pode ser definida como uma deficiência na concentração das hemácias ou da hemoglobina no sangue, célula responsável pelo transporte de oxigênio dos pulmões até as demais células do corpo. Apesar de ser fácil de ser diagnosticada, é uma doença que pode levar a sérias complicações, sobretudo em crianças. Hoje vamos falar tudo sobre a doença, causas, sintomas e como evitar. Continue lendo!

anemia

O que pode causar a anemia?

A anemia é uma doença que possui causas diversas: ordem genética, como a anemia falciforme; por deficiência nutricional, como nos casos de deficiência de ferro (anemia ferroptiva), vitamina B12, e deficiência de folato; por hemorragia, em casos cirúrgicos, como em acidentes ou partos e no caso de sangramentos crônicos, como úlceras.

Em todos os casos, existe uma redução do número de células de hemoglobina no sangue, o que diminui a oxigenação dos tecidos do corpo humano. Sendo que elas podem ser agudas ou crônicas e adquiridas ou hereditárias.

Sintomas da anemia

Ela apresenta inúmeros sintomas, como:

– falta de apetite;

– Cansaço;

– indisposição;

– palidez;

– nas crianças os sintomas de alerta são apatia e dificuldade de aprendizado.

Sendo que alguns dos sintomas tendem a se agravar se forem feitas atividades físicas.

Sobre o diagnóstico dessa doença, ele é feito por meio de um exame de sangue em se verifica a densidade da hemoglobina no sangue. A avaliação clínica também pode dar o diagnóstico da doença.

Que problemas ela pode causar ao corpo?

Ela pode debilitar uma pessoa e causar problemas sérios no coração, se não tratada corretamente. Tudo isso por falta de ferro, vitaminas ou ácido fólico. Além disso, ela nunca vem sozinha: há sempre uma causa para a doença acontecer. Além disso, ela traz os seguintes efeitos adversos ou consequências: diminuição da produtividade no trabalho, diminuição da capacidade de aprendizado, retardamento do crescimento, apatia (morbidez), perda significativa de habilidade cognitiva, baixo peso ao nascer e mortalidade perinatal. Além disso, pode ser a causa primária de uma entre cinco mortes de parturientes ou estar associada a até 50% das mortes.

Quais são as possíveis complicações?

No caso da anemia causa pela deficiência de ferro, muito comum entre crianças em países subdesenvolvidos graças a alimentação insuficiente, ela pode ter sérias complicações. Um dos mais preocupantes está relacionada à gravidez, em que mãe e bebê podem vir a óbito. No caso das crianças, a anemia está associada ao baixo desenvolvimento intelectual, dificuldade de aprendizagem, funções motoras, fala, baixa resistência a infecções e outras doenças além de efeitos comportamentais, como a falta de atenção e afetividade.

anemia e seus sintomas


E qual é o tratamento para anemia? Como evitar a doença?

O tratamento depende do agente causado da doença. Por exemplo, quanto as hemorragias é preciso parar com ferimento o mais rápido possível, sendo que em casos mais graves são necessárias transfusões de sangue.

Mas se a causa da doença for a falta de determinada substância, o tratamento deve oferecer para o doente aquele nutriente que está em falta, como o ferro ou a vitamina B12. Sendo que os alimentos que são as melhores fontes de ferro são a proteína de origem animal, como a carne vermelha, fígado, além de feijão, agrião e couve. Outro fato interessante é que o ferro é melhor absorvido na presença de ácido ascórbico, presente nas frutas cítricas. Por isso é importante que elas também sejam parte da alimentação.

A anemia é tratada de acordo com a sua causa e pode ser feita através da alimentação com reposição de ferro e vitaminas. Também pode ser tratada através de tratamento das doenças que podem causar esses sintomas. os alimentos ricos em ferro podem ajudar bastante.

alimentos pra combater anemia

A pessoa pode fazer uma alimentação mais adequada e combater a anemia, e em outros casos isso não é possível, portanto os suplementos e medicamentos específicos são fundamentais para curar os sintomas.

Quando é do tipo Ferropriva, que é a mais comum, o tratamento pode ser realizado através da reposição de ferro encontrado em alimentos específicos, como:

Leguminosas – lentilha, grão-de-bico, fava, ervilha e feijão;

Carnes vermelhas – vísceras de animais, como fígado, rins e coração;

Carnes – carnes de aves e peixes;

Grãos integrais ou enriquecidos – melado de cana, açúcar mascavo, nozes, rapadura e castanhas.

Você também pode encontrar alimentos enriquecidos em ferro, como farinhas, cereais matinais, entre outros.

Porém é importante investigar a causa da anemia Ferropriva, as vezes ela ocorre por conta de sangramentos. Além de fazer a reposição nutricional é preciso atacar o sangramento descobrindo o que está ocasionando essa perda de sangue significativa.

Mulheres que menstruam muito é mais comum ter a Ferropriva, portanto é indicado procurar o ginecologista para que ele avalie o caso e veja o que pode ser feito para combater os sintomas.

Se você tem essa doença, saiba que a maioria dos casos tem tratamento e cura, mas é preciso procurar orientação médica para poder sanar o problema.

A doença pode evoluir para leucemia?

Algumas pessoas ainda tem dúvida sobre isso, mas é fato de que a anemia não evolui para um quadro de leucemia. Como dissemos, a anemia pode ter sérias complicações, mas ela não se transforma em leucemia.

Importante

Sempre procure seu médico se sentir algum desses sintomas. Não nos responsabilizamos pelo mal uso das informações aqui apresentadas que são de domínio público na internet.

Por hoje é só! Continue nos acompanhando para saber tudo sobre saúde, bem estar e beleza!

Referências: Drauzio varella