Telemedicina: como irá funcionar? Conheça os benefícios!


Entenda como irá funcionar a Telemedicina no Brasil e quais vantagens ela pode oferecer para cuidarmos melhor da nossa saúde.

No mundo atual, a tecnologia tem alterado nossas vidas profundamente, não importa em que área estejamos empregados. E uma área que tem ocorrido muitas mudnaças é a medicina, com o lançamento da telemedicina e dos telediagnósticos. No artigo de hoje, vamos explicar como funciona uma plataforma de telemedicina para pacientes , quais as vantagens desse modelo e se realmente ele está dentro das leis. Acompanhe conosco.

O que é a Telemedicina?

telemedicina legalizada

indo direto ao assunto, a Telemedicina é uma especialidade médica dentro da Telessaúde que oferece telediagnóstico e assistência médica remota. Atua na interpretação de exames e emissão do laudo a distância, usando tecnologias da informação e comunicação, de forma rápida, segura e eficaz. Essa modalidade da medicina é extremamente prática e simples. No caso de uma radiologia, por exemplo, o exame é realizado em um equipamento convencional e enviado por um computador conectado à internet a uma central de telerradiologia, onde radiologistas especialistas analisarão o exame e elaborarão um laudo médico de maneira mais rápida, mas com a mesma precisão de um laudo elaborado presencialmente.

Essa é uma prática que tem revolucionado a área da saúde em todo mundo, trazendo benefícios como o aumento na dinamicidade na assistência médica, otimização do atendimento médico, agilidade no diagnóstico e muito mais.

Ela é legalizada no Brasil?

Sim, médicos brasileiros podem realizar consultas online, telecirurgias e telediagnóstico, entre outras formas de atendimento à distância, conforme a Resolução nº 2.227/18, do Conselho Federal de Medicina (CFM). O texto estabelece a telemedicina como exercício da medicina mediado por tecnologias para fins de assistência, educação, pesquisa, prevenção de doenças e lesões e promoção de saúde, podendo ser realizada em tempo real ou off-line.


Vantagens da Telemedicina

As vantagens da telemedicina começam pelo maior acesso à saúde, mas vão muito além disso. Essa é a uma realidade que você passa a entender conforme conhece detalhes da tecnologia envolvida e do próprio processo.

Acesso a especialistas – Atualmente, para visitar um médico que é especialista, é preciso viajar longas distâncias e investir uma quantidade significativa de tempo. No entanto, a telemedicina torna possível aproveitar a proficiência de profissionais que atendem em áreas distantes. Na verdade, você gostaria de ter a ajuda do especialista mais competente e, claro, não o mais próximo, quando se trata de problemas de saúde.

Emissão do Atestado de Saúde Ocupacional (ASO) – Um ponto positivo tanto para os profissionais da saúde, quanto para as companhias é a emissão do ASO. Esse atestado indica se o funcionário está pronto ou não para realizar as atividades dentro da firma. O laudo é apresentado depois de exames de admissão, de rotina, para troca de função, de retorno ao trabalho e demissional. Com o uso da telemedicina, a comunicação entre o especialista em medicina do trabalho e a empresa é feita on-line.

telemedicina funciona

Proximidade no tratamento – A comunicação entre médicos e pacientes foi positivamente influenciada pelo advento da telemedicina. Por meio dessa prática, é possível trocar mensagens pelo telefone celular, ouvir recomendações médicas ou enviar os resultados dos exames laboratoriais obtidos.Esse comportamento aproxima os envolvidos, facilita a integração das informações clínicas e inova nas comunicações em saúde, sem deixar de lado as boas práticas da relação terapêutica entre ambos.

Sem gastos com transporte – É possível economizar seu dinheiro em transporte público, estacionamento e assim por diante, quando você visita seu médico em seu computador ou dispositivo móvel. Além disso, nenhum tempo será desperdiçado em um engarrafamento, o que pode atrasar a consulta com o médico.

 

Conclusão

Você já conhecia a telemedicina? Interessou-se pela área? Então que tal compartilhar este conteúdo nas redes sociais e ajudar os amigos a entender do que se trata? Não os deixe de fora!

Sugestões de novos artigos podem ser deixadas nos comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *