Eosinófilos alto ou baixo nos exames. O que é isso?


Eosinofilos alto ou baixo podem aparecer nos exames de muita gente, mas o que eles querem dizer? Saiba aqui.

Na hora de fazer exames, eles podem dizer que os eosinófilos estão altos ou baixos no seu corpo, sendo essencial saber interpretar o significado desses dois conceitos. Os eosinófilos são células de defesa do sangue, cuja origem é o mieloblasto, uma célula produzida na medula óssea. O objetivo dos eosinófilos é proteger o corpo contra a invasão de alguns microrganismos estranhos, sendo assim, eles são fundamentais para o nosso sistema imunológico.

Os eosinófilos se encontram no nosso sangue e geralmente a sua quantidade é elevada quando estamos com algum tipo de infecção ou reação alérgica. Normalmente, eles se encontram em uma quantidade menor no corpo.

Eosinófilos altoO que significa eosinófilos baixos, ao fazer exames?

Quando os eosinófilos estão baixos, essa condição recebe o nome de eosinopenia. Geralmente isso é causado pelo uso de alguns medicamentos, como os corticoides. Além disso, o estresse também pode deixar os eosinófilos baixos, assim como processos inflamatórios.

Tanto o estresse agudo quanto crônico podem ser a causa dos eosinófilos estarem baixos. Os níveis dos eosinófilos podem voltar ao normal após a causa de sua baixa ter sido tratada. Se a causa for medicamentos corticoides, eles devem ser substituídos. Se for o estresse, é preciso combater suas causas. O médico, ao avaliar o exame, deverá dar todas as recomendações para o paciente poder retornar aos níveis normais de eosinófilos no sangue.

O que significa eosinófilos altos, ao fazer exames?

Enquanto os níveis baixos de eosinófilos geralmente significam alguma situação de estresse ou uso de medicamento, os níveis altos tendem a representar algum tipo de alergia, verminose ou asma.

Quando os níveis estão altos, a condição recebe o nome de eosinofilia. Esses níveis altos também podem estar presentes em exames de pessoas com doenças autoimunes, leucemia, lúpus, Doença de Crohn, dermatite e em outros tipos de doenças.

Isso significa que caso haja eosinofilia após realizar um exame, é preciso identificar a causa entre as citadas e então iniciar o tratamento. Somente um profissional deve avaliar o exame para conseguir identificar a causa. Entretanto, apenas uma mudança nos níveis de eosinófilos não representa em si uma doença: é preciso avaliar outros sintomas.

Como descobrir se os eosinófilos estão altos

O fato dos eosinófilos estarem altos nem sempre faz a pessoa lidar com algum tipo de sintoma. Se ela possuir alguma doença, geralmente os sintomas que irão surgir são o da doença. Em caso de asma, por exemplo, a pessoa pode lidar com falta de ar. Os eosinófilos altos também podem significar algumas reações alérgicas e infecções, por isso os sintomas podem envolver espirros e congestão do nariz, assim como dores abdominais.

É importante que ao sentir qualquer sintoma que não seja normal, se procure o profissional para fazer o diagnóstico e iniciar o tratamento do problema, independente de qual seja. O tratamento sendo iniciado no início, há muitas chances de ser bem sucedido e do problema conseguir ser interrompido. Faça exames periodicamente e consulte-se com um médico de confiança.

Recomendados para você:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *