Curcuma para Emagrecer: funciona mesmo? Veja efeitos e benefícios pro corpo!


Conheça os poderes desse alimento. Veja como utilizar a curcuma para Emagrecer e conheça tudo sobre ela!

Em nosso cotidiano, as pessoas estão se aproveitando cada vez mais dos produtos naturais e das plantas presentes na natureza. Um tempero que ficou famoso, principalmente por ser usado por famosas como Bela Gil e Rita lobo é a curcuma. No artigo de hoje vamos falar como ela age no corpo se realmente usar curcuma para emagrecer ajuda em alguma coisa. Acompanhe conosco.

O que é a Curcuma?

curcuma para Emagrecer

A cúrcuma é uma planta da família do gengibre. Depois de seca e moída, a raiz vira um ingrediente que a dona de casa conhece por açafrão. Na raiz estão todos os componentes do açafrão, inclusive o pigmento que dá a cor amarelo-ouro, chamado de curcumina

Mas além de ser uma especiaria que dá um toque todo especial no preparo dos pratos, outros bons motivos para você consumir a cúrcuma é que ela ajuda a reduzir as gordurinhas e oferece benefícios para a sua saúde.É boa para a pele, protege o fígado, ajuda na digestão das proteínas e regula o metabolismo. Estudos comprovam ainda que ela atua contra o câncer, além de ter poder antiinflamatório e antioxidante.A cúrcuma pode ser encontrada à venda na forma de pó.

Benefícios da Curcuma

A cúrcuma é uma das especiarias medicinais mais utilizadas na medicina tradicional chinesa e ayurveda.Estas culturas valorizaram esta especiaria por suas múltiplas qualidades nutricionais, dentre as quais destaca-se uma forte ação antioxidante e anti-inflamatória. Assim sendo, sua ação anti-inflamatória e antioxidante da cúrcuma é responsável pela remoção de placas no cérebro, fato que a faz ser tão interessante para o tratamento e prevenção de diversas doenças conhecidas, tais como:

  • Indigestão, acidez gástrica e outros problemas do sistema gastrointestinal
  • Falta de apetite
  • Problemas no fígado
  • Artrite
  • Eczema
  • Reumatismo
  • Psoríase
  • Asma
  • Cólicas menstruais
  • Diabetes

Ela também pode ser considerado um remédio natural com propriedades analgésica, antibacteriana, antioxidante, antialérgica e antiespasmódica. Ou seja, é capaz de curar desde simples resfriados a dores crônicas.


Curcuma para Emagrecer – funciona?

curcuma para Emagrecer

Quem quer usar a cúrcuma para emagrecer deve guardar o pó em um vidro e usar 1/2 colher de chá por dia, no preparo do arroz, de sopas e molhos. Outra opção é polvilhar a cúrcumadiretamente sobre a comida, inclusive sobre a salada.

Outra maneira para emagrecer consumindo cúrcuma é preparar uma infusão da erva. Escolhendo esta opção, devem ser tomadas entre um e dois copos cada dia como máximo, já que tomá-lo em excesso pode prejudicar a saúde. Por outro lado, a ingestão deste chá melhoram o metabolismo.

A preparação consiste em aquecer quatro copos de água. Quando esta coza-o, remova-a do fogo e adicione à panela uma colher de chá de cúrcuma moída. Em seguida espera durante dez minutos, para esfriar, para depois coar a infusão em um copo. Por último, adicione um pouco de mel para adoçar, de forma natural, e se quiser umas gotas de limão para melhorar o seu sabor.

Onde comprar?

Em farmácias de manipulação como a Eficácia, pode-se encontrar sendo vendida de várias formas:

Existem efeitos colaterais?

Sim, a cúrcuma para emagrecer deve ser consumida moderadamente para tirar proveito de suas propriedades e evitar possíveis efeitos colaterais. Algumas pessoas alérgicas não podem ingerir esse tempero. Além disso, quando usada de maneira excessiva, a cúrcuma pode provocar queimaduras no estômago ou gases.

Importante

Sempre procure seu médico nutricionista antes de utilizar a Curcuma ou qualquer novo alimento em suas dietas.Não nos responsabilizamos pelo mal uso das informações aqui apresentadas que são de domínio público na Internet.

para quem quer uma pele bonitam, sugiro ler sobre o colageno em capsulas, que pode ajudar bastante.

Sugestões de novos artigos podem usar os comentários!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *