Aroeira: Entenda seus efeitos e benefícios


Aroeira é uma planta que tem vários benefícios para o corpo, veja como ela age.

Talvez você já tenha ouvido falar ne aroeira, ela se apresenta com uma variedade de nomes, como aroeira-da-praia, aroeira mansa ou codeína e aroeira vermelha. Ela é conhecida por seus efeitos positivos no tratamento de doenças sexualmente transmissíveis, entre outras. Quer saber mais sobre a aroeira? Confira no artigo abaixo:

aroeiraOnde pode ser encontrada a aroeira?

A aroeira pode ser encontrada em todo o litoral do Brasil, ela pode ser encontrada desde o Rio Grande do Note até o Rio Grande do Sul. A planta cresce em torno dos 9 metros podendo variar até 5 metros de altura. O seu tronco é reto e pode medir entre 50 e 80 cm de diâmetro. As suas flores apresentam duas colorações, ou podem ser branco-amarelado ou branco-esverdeado.

A aroeira também é muito conhecida popularmente de acordo com a região do país e pode ser chamada de aroeira mansa, aroeira brasileira, fruto de sabiá, pimenta rosa, pimenteira, entre muitos outros, mas ela apresenta sempre as mesmas características.

Para que serve a aroeira?

O nome científico da aroeira é Schinus terebinthifolius Raddi e você encontra a venda em lojas de produtos naturais, bem como em farmácias de manipulação. A aroeira é muito utilizada pelos seus poderes curativos no tratamento de doenças como sífilis, reumatismo, azia, úlceras, febre, gastrite, bronquite, tosse, íngua, diarreia, distensão nos tendões, dor de dente e infecções na genitália.

Propriedades da aroeira

A aroeira apresenta propriedades com ação adstringente, anti-inflamatória, tônica e cicatrizante, balsâmica, antifúngica, diurética, cicatrizante ginecológica. Com todas essas propriedades a aroeira é muito utilizada para tratamento caseiro. As propriedades da aroeira são muito eficazes e tem ação comprovada, isso faz com que muitas pessoas busquem usar a planta para curar todos esses males.

A aroeira também é muito utilizada na fabricação de fitoterápicos, para fabricação de óleos essenciais com perfume muito agradável. As partes mais utilizadas da aroeira são as folhas e os frutos para a indústria farmacêutica na fabricação de óleos essenciais e de extratos.

Como preparar a aroeira

Você pode usar as folhas, a casca e as raízes para fazer chás e infusões, que são usadas para tratar infecções respiratórias, hemorragias, febres, micoses, tumores, para hipertensão, entre muitas outras coisas. Entre os medicamentos que usam a aroeira na sua fórmula destacamos um anti-inflamatório muito utilizado na cicatrização, de uso ginecológico. A aroeira também é muito utilizada na fabricação de inseticidas e perfumes.

As frutas da aroeira conhecidas como pimenta-rosa também é muito conhecida na culinária europeia, pois ela apresenta um sabor adocicado levemente apimentado e pode ser usado em inúmeros pratos da culinária.

É importante salientar que você não deve sair usando a aroeira ou qualquer medicamento a base dela sem antes consultar seu médico, como as suas propriedades ainda não foram concluídas de forma total é preciso tomar cuidado ao consumir a mesma.

O uso das plantas como tratamento medicinal é muito conhecido no nosso país, pois é uma prática que vem passando de geração em geração.

Sugestões e dicas podem ser deixadas nos comentários

Recomendados para você:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *