Desenvolvimento Humano

Por que todos gostaram tanto do Palworld?: razões do sucesso




No dia 19 de janeiro, Palworld, um novo jogo de sobrevivência sobre Pokémon, foi lançado. Nos primeiros dias, o jogo foi o centro do entusiasmo. Mais de 8 milhões de cópias vendidas, primeiro lugar nas paradas do Steam, 2 milhões de jogadores simultâneos (mais apenas no PUBG).

 

Vale a pena dizer desde já que a campanha de relações públicas do Palworld foi construída com muita competência. Os desenvolvedores enfatizaram os streamers e, em particular, os fãs da série Pokémon. Animais de desenho animado com diferentes habilidades formam um importante estrato cultural entre os geeks nos EUA e nos países asiáticos. 

 

Se você está ansioso pelo Palworld, não perca tempo e registre-se no site da casa de apostas de esportes cibernéticos GG.BET https://ggbett1.net/pt/casino e encontre um grande número de apostas em jogos populares de esportes cibernéticos. 

Formato incomum

A franquia Pokémon, apesar de icônica para milhões de jogadores, está passando por dias ruins. Os autores têm pontos de vista conservadores, de modo que os novos projetos, na maioria das vezes, funcionam nos mesmos moldes dos jogos clássicos. Palworld ofereceu um ângulo ligeiramente diferente para analisar os monstros favoritos da infância e as batalhas entre eles. Ao mesmo tempo, preservou cuidadosamente o conceito principal de encontrar e capturar os próprios Pokémon.

Anteriormente, os jogadores e fãs estudavam as capacidades e as estatísticas de determinadas criaturas, mas agora eles acrescentaram a capacidade de armar suas proteções. Quem se importa se FireRed é fraco ou Diamond é lento se um tem uma minigun e o outro um lançador de granadas?

Gênero popular

Além dos Pokémon favoritos, os desenvolvedores escolheram sabiamente o gênero de sua criação. O jogo poderia ter se tornado um ótimo jogo de tiro ou sandbox. Mas o survival, combinando aspectos de diferentes gêneros, atraiu um público muito maior devido à sua variabilidade.

Aqui você pode construir e equipar a base, procurar e capturar Pokémon, bombear, desenvolver e pesquisar. Em geral, se você é fã de Minecraft, DayZ ou Call of Duty, o jogo certamente encontrará algo que lhe interessará.

Aparência e decisões ousadas

Um pouco de anime e estilo de desenho animado é apreciado por um grande número de pessoas. Fortnite e Genshin Impact são bons exemplos. Os ambientes e os gráficos são convidativos e agradáveis para o jogador, sem parecerem muito infantis. Além disso, esse estilo permite reduzir os requisitos mínimos do sistema, sem reproduzir na tela explosões ou tornados realistas como no Battlefield.

Foi uma decisão ousada combinar Pokémon fofinhos e gráficos de desenho animado com armas, explosões e ação. No cruzamento dos dois estilos, Palworld conseguiu atrair um público-alvo diversificado.

Simplicidade e conveniência

Todos se lembram de como, no lançamento do Apex Legends, todos admiraram a decisão aparentemente banal, mas tão conveniente, de criar uma roda de marcação, com a capacidade de marcar qualquer coisa com um clique? Bem, é a mesma história com o Palworld. O jogo é intuitivo e não exige muito do usuário. Até mesmo o fã mais fervoroso de sobrevivência achará fácil entender a mecânica e as tarefas básicas.

O jogo oferece retorno automático de recursos ao desmontar um edifício. O Palworld é simplesmente confortável de jogar. Bem, se falarmos de desenvolvimento futuro, é impossível não mencionar a automação de sua base graças ao Pokémon.

Um equilíbrio entre ação e jogabilidade metódica

O Palworld não deixa o jogador se entediar com a obtenção de recursos e a construção de bases, mas também não o sobrecarrega com constantes escaramuças e tiroteios. Com o tempo, os cuidados com o centro são transferidos para os Pokémon, permitindo que o jogador dedique mais tempo à pesquisa e à matança de chefes.

Ao mesmo tempo, o desenvolvimento não fica parado e, mesmo que você tenha coletado um ótimo cenário e montado uma base, sempre é possível buscar uma nova dose de aventura.

Gostou do Artigo? Receba novidades em primeira mão:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *