Como funciona O DIU? tudoesse método contraceptivo?


Diu é um método anticoncepcional pouco conhecido, veja como funciona o diu e se vale a pena no seu caso!

Ao longo dos anos foram inventados métodos contraceptivos cada vez melhores para beneficiar a mulher, evitar a gravidez e, de praxe, ajudar a controlar alguns sintomas da TPM. A maioria das mulheres optam pelas pílulas anticoncepcionais, um dos métodos mais conhecidos atualmente. Entretanto, há quem opte pelo DIU – Dispositivo Intrauterino -, um dispositivo que deve ser inserido dentro do útero e isso deve ser feito somente por um especialista.

O DIU possui algumas vantagens a mais em relação a pílula, como sua eficácia. Enquanto a pílula protege somente em 99,9% dos casos de relação sexual sem camisinha, o DIU pode proteger a mulher por até 10 anos, variando de um produto para outro. A seguir, veja mais detalhes sobre esse método.

como funciona o diu

Diu: como funciona esse método contraceptivo? (Foto: Divulgação)

DIU e seus dois tipos

Pelo mundo há diferentes tipos de DIU, mas no Brasil existem dois tipos principais. O mais procurado é o DIU de cobre, pois ele não contém hormônios. Caso o DIU possua hormônios e os libere dentro do útero, recebe o nome de SIU. Essa é basicamente a única diferença entre os dois, já que ambos impedem que o espermatozoide chegue ao útero, eliminando assim qualquer risco de gravidez.

O DIU que não possui hormônio, entretanto, tende a ser o mais procurado pelas mulheres que não querem ingerir mais hormônios ou para aquelas que apresentam riscos ao uso do estrogênio. O DIU de cobre não irá apresentar os riscos nem efeitos colaterais dos hormônios e a fertilidade da mulher irá retornar no mesmo momento em que ele for retirado do útero. Outro ponto positivo é que ele também pode ser inserido logo após o parto.

como funciona o diu

Diu: como funciona esse método contraceptivo? (Foto: Divulgação)

Como funciona o diu? Como é colocado?

Como mencionamos anteriormente, somente um médico pode inserir o DIU. Ele é colocado através de um exame ginecológico; o médico usa sempre o aplicador que já vem junto com o DIU. Com isso, ele é colocado dentro da cavidade uterina, por meio do colo.


É comum que cada paciente sinta algum desconforto no momento da colocação e cada mulher pode sentir de sua maneira, mas de forma geral, não é nada impossível de suportar. Se a mulher solicitar, é possível inserir o DIU sob anestesia.

como funciona o diu

Diu: como funciona esse método contraceptivo? (Foto: Divulgação)

Quem pode e não pode usar o DIU?

Grande parte das mulheres podem usar o DIU. O DIU só não pode ser usado em casos de: gravidez confirmada ou suspeita; doença inflamatória pélvica atual ou recente; AIDS; mulheres com comportamento de risco para DST; mulheres entre 48 horas e 4 semanas após o parto; sangramento genital de natureza desconhecida; infecção pós-parto ou pós-aborto; entre outros.

O DIU pode ser usado tranquilamente por mulheres com mais de 35 anos que possuam hipertensão, diabetes, obesidade, epilepsia e que não seja portadora de nenhum dos problemas citados anteriormente.

como funciona o diu

Diu: como funciona esse método contraceptivo? (Foto: Divulgação)

Vantagens do DIU

O DIU de cobre tende a durar 10 anos, podendo ser retirado quando a mulher quiser, basta marcar uma consulta com o médico e solicitar a retirada. O método não interfere na libido e é um dos mais eficazes atualmente.

Importante

Procure sempre seu médico para entender melhor qual método anticoncepcional funciona melhor para você, ou até mesmo se você quer entender como o diu funciona. Pra quem acha que já está tarde para isso, sugiro ler nosso artigo: como saber se estou gravida?

Se você tem alguma dica ou sugestão de artigo, pode deixar nos comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *