Cientistas criam bife feito em laboratorio!


Cientistas desenvolveram um bife feito em laboratorio que segundo testes teria o mesmo sabor da carne. Será que vai dar certo?

No mundo atual, cada vez mais temos escassez de alimentos e de insumos agrícolas. Além disso, com os problemas de super população, criar animais e utilizar a carne como alimento, torna-se cada vez mais caro e difícil. Assim, muitos cientistas lá fora, estudam como produzir carne em laboratorio, para diminuir custos e outros ganhos. No artigo de hoje mesmo, saiba que as pesquisas estão bem avançadas e nos eua e indica, cientistas criam bife feito em laboratorio. Acompanhe a seguir.

Cientistas criam bife feito em Laboratório

Embora muitos estudos cientificos ao liongo dos anos tenham tentado produzir carne em laboratorio, não só por questões de custo mas também por questões ambientais e de saúde, algumas empresas alimentícias já estão prontas para lançar este alimento no mercado. O produto já está sendo desenvolvido pela empresa norte-americana Memphis Meats, que fabrica carne de boi, frango, pato e tem planos para criar também a carne de peixe.

bife feito em laboratorio

Como é feita a carne de laboratorio?

Bom, é preciso deixar claro, que a empresa garante que as propriedades nutricionais serão mantidas. O processo  de produção consite em que uma célula é retirada do animal e alimentada em um biorreator, o que leva à reprodução. É diferente da chamada carne de planta produzida por empresas como as norte-americanas Impossible Foods e Beyond Meat e a brasileira Fazenda do Futuro.


No caso do peixe é um pouco mais copmplicado.Usando células-tronco do tecido muscular de peixe, uma cultura de células se transforma em filés de pescado.Por ora, a empresa só conseguiu criar uma pasta de peixe, mas espera, em 15 anos, mitigar a demanda por atum azul, um dos peixes mais cobiçados na culinária oriental, com sushi de laboratório.

Produção massiva em 2026

Segundo a Associação de Agricultura Celular (ACS), nos EUA, a produção industrial deve atingir larga escala e distribuição mundial a partir de 2025. Antes disso, prevê apenas pequenas experiências regionalizadas.

O diretor da ACS Kristopher Gasteratos faz uma futurologia ousada no manifesto da entidade, digno de ficção científica, para o que ele chama de “Renascença Neonívora”.

Segundo suas previsões, na década de 2020 a dieta baseada em carne de laboratório deve crescer em 10 a 20% ao ano e atingir até 70% do market share nos países pioneiros.

bife de laboratorio – veja video

No video abaixo, veja consumidores provando a carne de laboratorio :

Mais novidades iremos adicionar na matéria em breve!

Já falamos aqui tambem sobre receitas gostosas de salada no pote, sugiro a leitura.

Referências: Territorio gastronomico

Sugestões de novos artigos ou receitas fit podem deixar nos comentários!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *