Estetica

Abdominoplastia: Saiba tudo sobre o procedimento!

Veja como a abdominoplastia pode te deixar com o corpo sonhado, mas antes, conheça os cuidados que se deve ter antes de escolher esse procedimento.

Quem é que nunca desejou um abdômen bem chapado, não é mesmo? As vezes nem há realmente muita gordura, mas situações da vida deixaram o corpo com um formato estranho e com excesso de pele. Casos esses que podem ser pessoas que tiveram excessiva perda/ganho de peso ou até mulheres que passaram por múltiplas gestações. Dificilmente nessas situações o corpo consegue voltar ao normal apenas com uma dieta balanceada e atividades físicas regulares. É nesse momento que muitas pessoas recorrem à procedimentos cirúrgicos para colocar tudo no lugar. Um dos mais conhecidos e indicados nesses quadros é a Abdominoplastia.

O que é Abdominoplastia?

A abdominoplastia, que também pode ser chamada de Dermolipectomia de abdômen e plástica de abdômen, é uma cirurgia plástica realizada no abdômen para retirar excesso de pele e gordura localizadas. Essa cirurgia é capaz de recuperar a firmeza dos músculos da região abdominal, “esticando” a pele e fazendo com que a barriga fique mais lisa e tonificada.

abdominoplastia

Para que serve?

Esse procedimento cirúrgico serve para combater a elasticidade e excessos de pele/gordura oferecendo firmeza ao abdômen. Engana-se quem pensa que ela é como uma lipoaspiração em que deve ser feita para quem está acima do peso, pois a abdominoplastia não é focada no emagrecimento mas sim na melhora do contorno corporal. Então o quanto mais perto a pessoa estiver do peso ideal, melhor são os resultados.

Como é feita a Abdominoplastia?

A abdominoplastia é feita através de um processo em que o cirurgião plástico irá avaliar o abdômen do paciente para saber onde estão e qual a quantidade dos excessos de gordura, pele ou diástase dos músculos do abdômen. Geralmente são feitas 2 incisões, uma na horizontal e outra na vertical que podem variar de caso para caso, dependendo da quantidade de pele a ser removida. A partir daí são feitos procedimentos que visam retirar os acúmulos de gordura da região.

Ao finalizar a cirurgia, o cirurgião irá colocar drenos de aspiração no abdômen para evitar que possa acontecer um acúmulo de líquidos na região abdominal. Em alguns casos os drenos são retirados no mesmo dia da abdominoplastia e em outros a paciente vai para casa com eles. Eles devem ser retirados na clínica mesmo, o que pode causar um certo desconforto ou dor – mas só na hora de retirar mesmo. Após ser retirado, é o momento de fechar as incisões em que é feita uma única sutura que vai da região púbica até outra dentro do umbigo. Depois é finalizado com curativos e bandagens.

O tempo levado para essa cirurgia pode variar de paciente para paciente, mas em sua maioria não passa de 3 horas.

Abdominoplastia antes e depois

Veja alguns exemplos:

abdominoplastia antes e depois

É perigoso?

Sim, a abdominoplastia pode apresentar alguns perigos à saúde. Por isso é de suma importância sempre buscar médicos capacitados e recomendados para a cirurgia. Os riscos que podem acontecer durante ou após o procedimento é de:

  • Trombose;
  • Embolia pulmonar;
  • Necrose do tecido;
  • Queloides;
  • Sangramento, infecção e óbito.

A maioria dos riscos se tornam mais perigosos para os fumantes. Então antes de optar pela cirurgia converse com o médico e a família visando sempre os possíveis riscos.

Tem contraindicações?

Sim, pelos riscos que oferece e como qualquer outra cirurgia há suas restrições em alguns casos. Mas lembre-se sempre que quem poderá dizer se você pode ou não realizar a abdominoplastia é um médico. O procedimento cirúrgico não é indicado:

  • Mulheres que desejam engravidar futuramente;
  • Casos em que houve grande ganho de peso após cirurgia plástica;
  • Obesos (é preciso emagrecer ou fazer uma lipoaspiração antes da abdominoplastia);
  • Fumantes;
  • Pessoas com doenças do colágeno.

A barriga pode voltar depois da Abdominoplastia?

Sim! A abdominoplastia não é uma cirurgia que promete a barriga chapada eternamente sem nenhum esforço. Para manter os resultados positivos é necessário tomar cuidado com a alimentação e sempre praticar algum tipo de atividades física.

Faz pelo SUS?

É possível que sim, dependendo do motivo para realização da cirurgia. Um dos casos que podem ser obtidos pelo Sistema Único de Saúde é em pessoas que realizaram a cirurgia do estômago e ficaram com excesso de gordura e pele. Geralmente quando a cirurgia do estômago foi realizada pelo próprio Sistema e foi feita por motivos em que o excesso de peso atrapalhava gravemente a saúde. Mas é preciso procurar a rede de saúde do seu município para verificar as possibilidades do seu caso.

Plano de saúde cobre?

Isso irá depender de muitas variáveis: o tipo do seu plano, o motivo da cirurgia, o valor etc. Por isso é preciso consultar especificamente cada plano para saber da viabilidade dele cobrir a abdominoplastia.

Qual o preço?

O preço varia conforme a clínica que será feito, o renome do cirurgião, a cidade etc. É possível encontrar a abdominoplastia de R$7.000 a R$18.000.

Bem pessoal, esperamos que tenham curtido as informações sobre a abdominoplastia.

Já falamos em outro artigo sobre a dieta do programa quilos mortais 2021, leia e aproveite

Gostou das nossas informações? Deixe seu comentário ! Vamos adorar saber sua opinião!

Referências –  Saudebemestar.pt

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *