5 formas de cuidar dos ouvidos para evitar lesões ou infecções


Você conhece quantas formas existem de cuidar dos ouvidos para evitar lesões ou infecções? Se a resposta for “nenhuma” ou “poucas”, há um risco significativo de você precisar usar aparelhos auditivos no futuro, já que a prevenção e os cuidados estão diretamente ligados à preservação da audição, mesmo na idade avançada. Quanto mais você se cuidar, mais capacidade auditiva conservará no futuro.

É verdade que perder parte da audição é natural do ser humano. No Brasil, cerca de 20 milhões de pessoas têm alguma dificuldade de audição. Conforme envelhecemos, nossos sistemas vão se desgastando e perdendo a capacidade que tinham antes. Nossa visão sofre, nossa audição também sofre – é um processo natural. No entanto, a qualidade dos cuidados aplicados pode reduzir esse processo e fazer com que a pessoa chegue na Terceira Idade ouvindo muito bem.

5 formas de cuidar dos ouvidos para evitar lesões ou infecções

Quer aprender algumas formas de cuidar dos ouvidos para evitar lesões ou infecções? Então siga a leitura para conservar a sua audição e confira 5 dessas formas que separamos para você!

cuidar dos ouvidos

1. Evite usar fones de ouvido com som alto

Você sabia que escutar som muito alto pode causar danos irreversíveis à sua audição? Por isso é importante tomar cuidado com os fones de ouvido, já que eles soltam o som diretamente dentro do ouvido.

Atualmente, a facilidade com que temos para ouvir música fora de casa (basta ter um serviço como o Spotify, por exemplo) faz com que cada vez mais pessoas ouçam música com fone de ouvido no carro, no ônibus e no trabalho.

A consequência disso é que o ouvido vai acumulando danos e perdendo a capacidade auditiva com o tempo. Com isso, as pessoas passam a aumentar o volume e consequentemente perdem audição, criando um ciclo negativo.

Por essa razão, evite usar fones de ouvido quando puder, especialmente com o som alto. Isso prevenirá danos ao seu ouvido.

2. Cuidado com o cotonete

O cotonete é um dos elementos que mais colabora para o surgimento de danos e lesões no ouvido, especialmente se as suas hastes não forem muito flexíveis. Em primeiro lugar, é importante lembrar que o cotonete, por ser um objeto que é inserido dentro da orelha, pode causar danos naturais na região.

Além disso, quando são feitos de material de qualidade inferior, eles não são muito flexíveis, portanto, mais propensos a causar lesões internas no ouvido.

Em segundo lugar, os cotonetes devem ser usados somente na área externa, retirando o cerume que pode aparecer por ali. A cera da parte interna é importante e tem a função de proteger o ouvido, não devendo ser retirada normalmente.

3. Tenha muito cuidado com tratamentos caseiros

Se você entrar em um site especializado em receitas caseiras, provavelmente verá uma relação de sugestões de líquidos para colocar na orelha, especialmente para questões de dor de ouvido ou sensação de entupimento. No entanto, esse tipo de situação leva a muitos riscos, embora seja fato que algumas substâncias possam mesmo aliviar dores ou auxiliar no desentupimento.


O ideal é não seguir as receitas caseiras para inserir elementos, como óleo vegetal aquecido, óleo para pele de bebê ou álcool dentro do ouvido. Isso pode causar danos e lesões, claro, especialmente quando eles estão aquecidos. Além disso, podem também causar infecções, já que podem desenvolver as condições propícias para a proliferação de bactérias e outros microorganismos.

Caso esteja com dor no ouvido ou sensação de entupimento, use somente os medicamentos específicos para isso, preferencialmente prescritos por um otorrinolaringologista. Assim, você evitará danos e infecções na sua orelha.

4. Fique atento a sinais de perda de audição

cuidar dos ouvidos dicas

A perda de audição é um processo gradual. Ela não acontece de repente: hoje você escuta, amanhã não. Ela vai acontecendo todos os dias, gradualmente. O que acontece de repente é a sua percepção de que antes ouvia os pássaros cantarem de manhã e hoje não ouve mais.

Por esse motivo, é importante ficar atento a pequenos sinais de perda de audição durante o dia. Um bom indicativo é o volume da sua TV. Se antes você costumava deixar o volume no nível 25 e agora deixa no nível 30, é sinal de que a audição está prejudicada. 

Quando notar os sinais, procure um médico especializado e veja o que ele recomenda para reverter os danos, se possível.

5. Proteja-se de barulhos altos durante o dia

Por fim, entenda que a prevenção de danos e infecções é um processo diário, especialmente se você passa por locais com barulhos altos ou trabalha nesse ambiente. Nessa situação, é importante se proteger com equipamentos de proteção individuais. Em longo prazo, esses cuidados preservarão sua audição.

Essas são as 5 principais formas de cuidar dos ouvidos para evitar lesões ou infecções. Seguindo-as à risca, sua audição será conservada por muito mais tempo e você evitará que seus ouvidos fiquem machucados ou tenham algum tipo de infecção. Além disso, poderá aproveitar mais a vida, já que uma boa capacidade auditiva está ligada a uma melhor qualidade de vida.

Conte para a gente: quais dessas técnicas você já conhecia?

 

Ofertas dos nossos anunciantes:


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *