Naltrexona: quais os efeitos no corpo?

Naltrexona, é uma substância utilizada para tratar dependência química, mas que também vem sendo testada em tratamentos para emagrecer. Entenda como age o remédio no corpo e os seus efeitos.

Uma pessoa, vítima de dependência química, não consegue se recuperar sozinha. Ela precisa de medicamentos, como é o caso da Naltrexona. Só que, nos últimos tempos, esse remédio também vem sendo usado por quem deseja perder peso.

A Naltrexona é usada para tratar dependência química. (Foto: Divulgação)

Para que serve a Naltrexona?

A Naltrexona é um remédio muito utilizado para tratar dependência química. A fórmula contém substâncias que ajudam o viciado a não sofrer com crises de abstinência, diante da ausência da droga.

Os médicos costumam receitá-la para tratar diferentes tipos de dependência química, que vão desde o álcool até drogas mais pesadas, como heroína.

O remédio não faz todo o trabalho sozinho. O paciente que está se recuperando de um quadro de dependência química também precisa participar de reuniões e receber aconselhamento de um especialista para se recuperar totalmente.

Como comprar Naltrexona?

A Naltrexona está disponível à venda nas melhores farmácias do Brasil. No entanto, se você deseja comprar o medicamento, terá que apresentar uma receita médica, na Onofre e Pacheco, voce encontra em promoção, clique e confira:

Anúncio Patrocinado:
   

Como age a Naltrexona?

No organismo, ela tem o poder de atenuar os efeitos dos opioides. Sua fórmula é capaz de bloquear a dependência física de mofina, heroína e tantas outras drogas.

Naltrexona emagrece mesmo?

Como já foi dito, ela é utilizada para tratar o alcoolismo e dependência de drogas. Algumas pessoas afirmam que o remédio também combate a obesidade, já que atua em um campo do cérebro relacionado ao prazer e a recompensa. Contudo, não há nenhuma comprovação científica sobre a eficácia do fármaco na perda de peso ao contrario de suplementos como o super slim x

Para que essa substância possa contribuir com o emagrecimento, ela deve ser combinada a Bupropiona. As duas substâncias, em conjunto, ajudam a reduzir a sensação de fome e também elevam o gasto de energia do corpo.

naltrexona

Alguns estudos já foram realizados para avaliar os efeitos da Naltrexona combinada a Bupropiona. Em uma dessas pesquisas, 700 pacientes obesos participaram de um programa de emagrecimento. Eles foram estimulados a adotar uma dieta balanceada e a praticar exercícios físicos, além do que receberam acompanhamentos psicológico. Desse total, dois terços tomaram Naltrexona e Bupropiona.

No final do programa de emagrecimento, que durou 56 semanas, os pacientes que utilizaram os medicamentos conseguiram perder mais peso corporal do que o restante do grupo.

Em resumo, a combinação desses dois medicamentos ajuda a emagrecer sim, mas não espere milagres. Além de administrar os remédios, também é preciso adotar hábitos saudáveis, que envolvem alimentação e exercícios físicos.

Efeitos colaterais da Naltrexona

A Naltrexona, como qualquer outro remédio, pode apresentar reações adversas. Entre os principais efeitos colaterais, vale destacar: tontura, falta de apetite, náuseas, tremores, dores de estômago, ansiedade, enjoos e dores de cabeça.

Somente faça a compra se houver receita e indicacão medica. Não nos responsabilizamos pelo mal uso das informações aqui apresentadas que são de domínio publico na internet.

E aí? Restou alguma dúvida sobre a Naltrexona? Deixe um comentário com a sua pergunta?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *