Impingem: o que é, como ocorre e como tratar

Impingem pode ocorrer com mais frequência do que se imagina, veja do que se trata e como é o tratamento.

A sabedoria popular por voces nos confunde e até inventa nomes para determinadas doenças que já são velhas conhecidas da medicina tradicional. No artigo de hoje, vamos falar por exemplo da doença que ficou conhecida como impingem, mas que na real já tem seu nome científico catalogado( Dermatofitose), bem como suas formas de tratamento. Acompanhe conosco.

O que é Impingem?

impigem

Indo direto ao assunto,  é um nome popular para as micoses que aparecem nas virilhas, axilas, nádegas, entre os dedos dos pés (pé de atleta) ou mesmo na superfície lisa do corpo. Ou seja, a Impingem é uma doença de pele que causa bolhas pequenas na pele com líquido claro que se torna purulento após um dia da contaminação, logo depois essa bolha seca e surge uma crosta amarelada que se desprende da pele. o Nome científico dela é dermatofitose e existem algumas causas comuns que propiciam o seu surgimento.

Quais são as causas do seu surgimento?

Normalmente ela ocorre devido ao suor ou sujeira, junto a humidade em nossa pele. O que acontece é que nossa pele é composta de queratina, uma substancia que é perfeita para os fungos se alimentarem. E basta o local ou a pele estar úmida, e o local ser quente, se a pessoa estiver com a imunidade baixa, será perfeito para a proliferação destes microorganismos. As manchas podem ser mais brancas ou com tom mais vermelho e tem as micoses com um fungo que deixa a pele mais roxa, tudo depende do tipo de fungo envolvido.

Outro fator que leva alguém a pegar a impinge é o contato com a ferida do infectado e criam bolhas com um líquido amarelado que com o passar dos dias ficam cada vez mais espessos, depois de um certo tempo a bolha estoura e seca.

impigem causas

Sintomas mais comuns

Normalmente os sintomas apresentados são:

  • Manchas avermelhadas na pele com bordas marcadas e o centro mais claro.

  • Coceira intensa na região.

  • Bolhas com bordas escamadas.

  • Erupções da pele.

  • Leve inchaço no local.

  • Bolhas de pus sobre a pele.

  • Aspereza nas bordas das manchas.

Diagnóstico

O diagnóstico da impingem não costuma ser muito complicado. As lesões provocadas pelo fungo são bastante características e logo um médico deve ser consultado. É através da análise clínica das bolhas que o profissional irá chegar a um resultado. Para que todas as dúvidas sejam excluídas pode ser solicitado também um exame micológico cultural e direto. Para tanto, a área afetada é raspada e o material colhido é levado para análise em laboratório.

Anúncio Patrocinado:

Como tratar?

tratamento pode ser feito de várias maneiras, desde o uso de cremes antifúngicos, de aplicação tópica, até o uso de medicamentos via oral, como os antibióticos e corticoides, em casos graves.É normal que os sintomas da impingem desapareçam antes da data do fim do uso do medicamento, mas é importante continuar a utilização para evitar a cronicidade da doença.

impigem tratamento

Sempre consulte seu médico! O tratamento correto deverá ser prescrito por um médico especialista. Não utilize medicamentos indicados por amigos, pois pode dificultar o tratamento. Somente um profissional consegue avaliar corretamente a situação e indicar a melhor abordagem. Diante de um quadro de impingem, normalmente será solicitado o uso de antifúngicos tópicos.

Remédio caseiro para impigem

Normalmente são usados:

– levedura de cerveja (em pó ou comprimidos naturais); levedura de cerveja com alho; boa alimentação (refeições naturais); enxofre em pó (resultados rápidos, mistura-se com álcool, passado 2 dias os resultados são quase a 100% ); alho (contém  propriedades terapêuticas, cicatrizantes e regeneradoras, amassar 3 dentes de alho e pôr em molho 6 horas em 2 litros de água, utilizar esse preparado para lavar as feridas das lesões, muito simples, económico, fácil e rápido); mel (aquecer 1 colher de sopa de mel e deixar pelo menos uns 20 minutos na zona da lesão).

Mas somente faça isso após autorização do médico

Conclusão

Bem pessoal, esperamos que tenham curtido essas informações e que consigam com sucesso se cuidar . lembrando que o médico deve ser sempre consultado, as informações aqui não valem como consulta médica nem nos responsabilizamos pelo mal uso das mesmas, que são de domínio público na Internet. Já falamos aqui também para quem sofre com varizes sobre o uso do medicamento famoso varicell, sugiro a leitura do artigo.

Se você possui dúvidas ou tem sugestões de outros artigos, pode deixar nos comentários!

Recomendados para você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *