Dieta da Lua: Saiba como funciona!

Em uma rápida busca na internet, você vai encontrar os mais variados tipos de dietas, com cardápios pra todos os gostos e para todos os tipos de rotinas. Porém, na hora de escolher uma delas para seguir, é importante que você conheça bem os princípios, restrições e liberações daquela dieta.

Pensando nisso, hoje viemos te apresentar a Dieta da Lua, uma das mais conhecidas e consagradas, e que já levou muitas pessoas ao emagrecimento. Porém, é preciso lembrar que trata-se de uma dieta muito restritiva e que não leva ao emagrecimento definitivo. Inclusive, antes de você iniciar a dieta é importante que você saiba que ela não possui fundamentos científicos, e por isso ela é muito criticada por especialistas.

dieta-da-lua

Quais os princípios da Dieta da Lua?

A Dieta da Lua tem como princípio o fato de que a constante mudança de fases da Lua influencia o nosso corpo, e principalmente, o líquido que circula nele. Sendo assim, isso pode ser usado ao nosso favor, aumentando o bem-estar, a saúde e levando ao emagrecimento.

Trata-se de uma dieta de emergência, geralmente praticada por pessoas que desejam perder peso rapidamente, para uma festa, ensaio de fotos ou comemoração. Relatos de mulheres que já fizeram a dieta indicam que é possível perder até 4kg por mês com a Dieta da Lua.

Como é feita?

A execução da dieta é bem simples e não precisa de grandes investimentos. Funciona assim: A cada mudança de fase da lua – o que acontece semanalmente – você deve ingerir apenas líquidos durante 24 horas. Está liberado a ingestão de sopas de legumes batidos no liquidificador, chás sem açúcar, sucos sem açúcar, e muita (MUITA!) água.

Nos outros dias você pode voltar a se alimentar normalmente, porém evitando excessos.

Anúncio Patrocinado:
   

E como as fases da Lua influenciam na minha alimentação?

A Dieta da Lua também tem como base o fato de que o nosso corpo está em um estado a cada mudança de fase do astro, e isso influencia diretamente na nossa alimentação, desejos e humor.

Lua nova

Acredita-se que durante a regência da Lua nova, é um momento ideal para se iniciar uma dieta. Nessa fase você está mais aberta à mudanças dos hábitos alimentares, e consegue controlar melhor a vontade de comer. Também é um momento interessante para iniciar alguma atividade física

Lua crescente

Acredita-se que durante a Lua crescente, você está mais propensa a engordar. Nesse período você deve observar melhor a sua alimentação e controlar melhor os excessos. No caso de quem deseja ganhar peso, essa é uma fase que deve ser explorada.

Lua minguante

A Lua minguante é a fase “detox”. Durante a sua regência, o corpo está eliminando líquido, toxinas e substâncias em excesso no organismo, e isso facilita a perda de peso. Nessa fase também é mais fácil controlar o desejo de comer doces.

Lua cheia

Durante a regência da Lua cheia, você está mais propensa a reter líquidos, por isso é importante evitar o consumo de sal e ingerir muita água nesse período.

dieta-da-lua-como-funciona

Prós e contras

Assim como qualquer dieta, a Dieta da Lua também possui suas vantagens e desvantagens. Veja a seguir quais são.

Prós:

  • É uma dieta fácil de seguir, já que você muda sua alimentação apenas por um dia.
  • Não precisa de grandes investimentos. Ou seja, você não precisará comprar produtos caros para se alimentar nos dias que você precisa consumir apenas líquidos.

Contras

  • Nos dias de mudança de fase da lua, o cardápio é muito pobre em carboidratos e proteínas, o que a longo prazo pode ser prejudicial a saúde.
  • A dieta não leva ao emagrecimento definitivo, já que não promove uma reeducação alimentar.

Você já fez a Dieta da Lua? Conta pra gente nos comentários se ela foi eficiente pra você!